Você está aqui: Página Inicial > Noticias > 2017 > Gastos Abertos 2016-2017: primeiro ciclo

Notícias

Gastos Abertos 2016-2017: primeiro ciclo

Notícias

Gastos Abertos divulga relatório do primeiro ciclo do game com líderes regionais
publicado: 31/07/2017 10h10 última modificação: 31/07/2017 10h20

Após seis meses de jornada, o Gastos Abertos fechou o primeiro ciclo do game com líderes regionais. Com objetivo de documentar o que foi construído e a experiência de desenvolver uma tecnologia social nova, a iniciativa lançou o relatório “Primeiro Ciclo do Gastos Abertos 2016-2017”. “Assim, registramos os aprendizados e fortalecemos o propósito da OKBR em relação ao conhecimento aberto”, disse Thiago Rondon, um dos coordenadores do Gastos Abertos. Ao todo, pessoas de 60 cidades brasileiras participaram do processo.

O documento conta detalhes sobre o primeiro ciclo, como os desafios enfrentados, apresenta a metodologia aberta, os resultados e aprendizados. Um dos pontos positivos apontado pelo relatório foi o interesse e o compromisso de muitos cidadãos em mudar a realidade de suas cidades com o uso de dados e que a tecnologia precisa estar acessível a eles.

Segundo Thiago, o primeiro ciclo foi de muito aprendizado. “Focamos na metodologia e escutamos muito os líderes para buscar uma maneira de construir um ciclo de atividades que possa ter mais impacto como dinâmica, e que ela possa ser recorrente. Agora, nosso foco é usar essa experiência no próximo ciclo para implementar um chatbot no Facebook que possa acompanhar e dar apoio aos líderes nas missões”, contou.

Para mais informações sobre o relatório “Primeiro Ciclo do Gastos Abertos 2016-2017”, clique aqui.


Fonte: OKFN Brasil (com adaptações)